Dia da Memória do Holocausto

29/01/2018

 

O dia 27 de janeiro é escolhido como o Dia Internacional da Lembrança do Holocausto, em memória das vítimas do genocídio cometido pelo nazismo e seus adeptos durante o período da Segunda Guerra Mundial. Também um dia para relembrar os horrores cometidos contra os mais de seis milhões de judeus mortos, além de outras milhares de vítimas fatais como ciganos e pessoas com deficiência. Para Manfred Goldberg, sobrevivente judeu de 87 anos, o presente e o futuro não trazem perspectivas positivas.

 

Em entrevista para a rede norte-americana “CNN”, Goldberg analisa com pessimismo os movimentos de direita que crescem em todos os cantos do mundo, especialmente com o poder de redes sociais. Um dos sobreviventes do Holocausto, ele acredita que a História tem sido não só esquecida, mas, pior ainda, negada. “Todos os alertas vindos do passado estão chegando a ouvidos surdos”, lamenta.

 

Segundo o ponto de vista de alguém que sofreu anos com a guerra e o regime nazista de Adolf Hitler, “o mundo tem falhado no aprendizado com a história, com um passado que viu seis milhões de judeus morrerem nas mãos dos nazistas”. Nas mídias sociais, o alemão enxerga “uma máquina poderosa na divulgação de ódio” e, por isso, acha difícil acreditar em “um final feliz”, ou seja, para ele, os sobreviventes enfrentam uma “batalha perdida”.

“A comunicação instantânea agora significa que qualquer pessoa que quiser propagar suas visões infectadas com o ódio racial pode fazer muito, muito mais efetivamente do que os nazistas, naquela época, poderiam fazer", elucida.

Please reload

Please reload

Arquivo

Bolsonaro visita Muro das Lamentações ao lado de Netanyahu

02/04/2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Please reload

© 2016 ICEJ - EMBAIXADA CRISTÃ INTERNACIONAL DE JERUSALÉM