TIBERÍADES – A PÉROLA DO MAR DA GALILÉIA

16/06/2015

 

Tiberíades é uma cidade do litoral ocidental do Mar da Galileia, na Baixa Galileia, no distrito norte de Israel e é reconhecida uma das cidades santas do judaísmo junto com Jerusalém e Hebron. É a cidade mais visitada em férias de Israel nesta região, e foi estabelecida por volta do ano 20 da Era Cristã, por Herodes Antípas, o filho de Herodes (o Grande), tornando-se a capital de seu reino, a Galileia. Até 2003, a cidade tinha uma população de aproximadamente 40 mil habitants. 

O nome da cidade foi dada em homenagem ao patrono de Antipas, o imperador romano Tibério. Existe um uma lenda de que o local foi construído sobre a antiga e destruída aldeia de Rakkat. Flávio Josephus descreveu sua construção por Herodes Antipas próximo de uma aldeia chamada Emaús, pelos antigos judeus da região. 

Ainda em seu livro, “A Guerra dos Judeus”, Flavius Josephus refere-se a ela como Emmaus. Tiberias seria seu nome no Império Romano (e, consequentemente, a forma mais utilizada em Inglês) era a sua forma grega, Τιβεριάς (Tiberias, grego moderno Τιβεριάδα Tiveriáda), uma adaptação do jogo da berlinda suffixed-semitas que preserva o seu gênero gramatical feminino. 

O mais famoso personagem de Tiberíades foi Pedro, o principal apóstolo de Jesus, e segundo muitos, seu discípulo mais amado. Durante a primeira guerra entre judeus e romanos, Flavius Josephus assumiu o controle da cidade de Herodes, mas os romanos destruíram palácio, e Flávio Josephus os convenceu a renderem-se. 

Quando a maioria das outras cidades da Terra de Israel foram arrasadas, Tiberiades foi poupada e seus habitantes permaneceram fiéis a Roma. Flavius Josephus submeteu a cidade ao imperador romano Vespasiano. Após este fato, a cidade tornou-se um mista após a queda do Jerusalém, com o sul da Judéia subjugado migrou para a população judaica para a Galileia. Em 145 da era cristã, o Rabino Shimon Bar Yochai "expurgou" os rituais impuros da cidade permitindo que os judeus se instalassem na cidade em grande número.

Fonte: http://www.cafetorah.com/portal

Please reload

Please reload

Arquivo

Bolsonaro visita Muro das Lamentações ao lado de Netanyahu

02/04/2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Please reload

© 2016 ICEJ - EMBAIXADA CRISTÃ INTERNACIONAL DE JERUSALÉM