"Brasil e Israel, juntos podemos alcançar grandes feitos", afirmou Bolsonaro.


No primeiro discurso após chegar para a visita de quatro dias a Israel, o presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que pretende fortalecer a parceria entre os países. Ele aterrissou por volta das 4h de hoje no aeroporto Internacional Ben Gurion, perto de Telaviv e foi recebido pelo primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

"Eu e meu amigo Netanhayu queremos aproximar nossos povos, nossos militares, nossos estudantes, nossos cientistas, nossos empresários e nossos turistas. (...) Os israelenses e os brasileiros compartilham valores, tradições culturais, apreço à liberdade e à democracia. Juntas, nossas nações podem alcançar grandes feitos. Temos que explorar esse potencial, e é isso que pretendemos fazer nessa visita", declarou, em português.

Em um gesto de especial atenção que não tem com todos os líderes que chegam ao país, Netanyahu recebeu o colega brasileiro pessoalmente com uma cerimônia de honra no aeroporto. A visita do mandatário brasileiro acontece a poucos dias das eleições em Israel. Netanyahu, que está há quase 13 anos no poder, busca um quinto mandato nas eleições legislativas de 9 de abril.

."Em janeiro [quando Netanyahu esteve em Brasília para presenciar a posse de Bolsonaro] abrimos um novo caminho na nossa relação. E depois de apenas três meses acontece sua primeira visita a Israel para levar nossas relações a uma nova fase", declarou o israelense.

Segundo o primeiro-ministro, Bolsonaro lidera "a maior delegação que chegou a Israel vinda do Brasil", um país "com muito potencial que será aproveitado também pelo povo de Israel".

Fonte: uol.com.br


7 visualizações

© 2016 ICEJ - EMBAIXADA CRISTÃ INTERNACIONAL DE JERUSALÉM