Israel completa 70 anos. Brasileiro presidiu sessão da ONU

A fundação de Israel completou 70 anos nesta segunda-feira (14). Foi o diplomata brasileiro Oswaldo Aranha quem presidiu a sessão, em 1947, e a ONU aprovou naquele dia uma resolução sobre as terras do Oriente Médio que estavam sob o comando dos ingleses. Era a partilha da Palestina: iam ser criados um estado judeu e um outro árabe. E as cidades sagradas de Jerusalém e Belém não pertenceriam a ninguém, seriam áreas internacionais. As lideranças judaicas aceitaram a proposta e, no dia 14 de maio de 1948, há exatos 70 anos, David Bem-Gurion proclamou a fundação do estado de Israel. Mas os árabes não aceitaram e, logo no dia seguinte, Iraque, Líbano, Egito e Síria invadiram o recém-criado país.

EUA inauguram embaixada em Jerusalém

Os Estados Unidos inauguraram sua embaixada em Jerusalém nesta segunda-feira (14), dia em que o Estado de Israel completa 70 anos. A cerimônia de abertura foi conduzida pelo embaixador americano em Israel, David Friedman. Em uma mensagem gravada em vídeo, o presidente Donald Trump disse que era necessário "admitir o óbvio": que a capital de Israel é Jesusalém. Também afirmou que os EUA estão comprometidos com a paz na região. "Os EUA continuam totalmente comprometidos em facilitar um acordo de paz duradouro. Os EUA sempre serão um grande amigo de Israel e um parceiro na causa da liberdade e da paz", disse Trump. O premiê israelense, Benjamin Netanyahu, disse que estava "profundamente emocion

© 2016 ICEJ - EMBAIXADA CRISTÃ INTERNACIONAL DE JERUSALÉM